Últimas do Mundo "L"

5.8.10

Elas preferem os ricos.

Calma meninas, não sou eu que faço tal afirmação, senão o psicólogo David Buss que perguntou a 10.047 pessoas de 37 culturas diferentes em 6 continentes e 5 ilhas que vão desde o Alasca até ao território zulu. Buss diz que sua pesquisa só corroborou o que a gente vê quando olhamos a realidade a nossa volta, em maior ou menor medida, as mulheres estão programadas para se sentir atraídas pelo dinheiro e pelos recursos dos homens.


Ainda que pareça uma obviedade, vale a pena demonstrar esta classe de coisas para que depois ninguém possa alegar que tal afirmação é machista ou desproposital. As mulheres dão muito mais valor as boas perspectivas econômicas do que os homens.

Talvez alguém possa pensar que isso tem uma componente claramente cultural: em um mundo dominado pelos homens, no qual os melhores postos de trabalho são para eles, as mulheres não têm outra opção senão valorizar mais o dinheiro do futuro cônjuge. Mas a verdade é que, independentemente do contexto cultural, esta tendência acontece, em maior ou menor medida, em todo o planeta.

Outra tendência da pesquisa indica que de maneira universal as mulheres preferem homens mais altos que elas, e dão especial importância à categoria social, a ambição e a educação. Pelo contrário, os homens dão uma maior importância à juventude e à aparência física, comprovando que a piada do homem que escolhe a esposa com a maior bunda é bem próxima a realidade.

Por conseguinte, resulta difícil achar que todas estas tendências respondam a arquétipos sociais, a modas ou doutrinamento cultural. Mas o que ocorre, é que a cultura neste particular se limita a refletir os genes dos homens e das mulheres, por isso a tendência se repete em culturas tão diferentes entre si.

De forma que este comportamente está enraizado, os homens buscam conquistar riquezas para atrair as mulheres. Da mesma maneira, as mulheres se esforçam por parecer jovens e belas porque sabem que isso atrai os homens.

Segundo conta a lenda, Aristóteles Onassis, que sabia um pouco como ganhar dinheiro e muito mais de como conquistar mulheres belas, disse em certa ocasião: "Se as mulheres não existissem, todo o dinheiro do mundo deixaria de fazer sentido". 



Por conseguinte, podemos afirmar que a explicação de que as coisas sejam assim por causa da genética, mas a cultura, que emana também dos genes, reforça a tendência. O meio reforça a natureza, não se opõe a ela.

A pergunta que não quer calar minha amiga: "Você escolheria o Ronaldinho Gaucho de Ferrari ou o Brad Pitt de bicicleta?"

Deixe seu comentário

Postar um comentário